Renderware-dpvs-vision-fx-umbra-platform-logo-sigma-sigmaco. Jpg

dPVS ou VisionFX (RenderWare)

RenderWare dPVS, sigla para Dynamic Partitioned Visibility Solution, mais tarde renomeado para RenderWare VisionFX, foi um nome comercial da Criterion para uma API integradora do middleware Umbra à RenderWare Platform. Se trata basicamente de um wrapper com a cara da RenderWare mascarando o middleware Umbra, uma tecnologia de coligibilidade de oclusão 3D desenvolvida pela empresa finlandensa Hybrid Holding.

dPVS é uma solução utilizada na RenderWare para otimizar o processo de determinação da visibilidade. O objetivo do dPVS é determinar quais objetos e partes de objetos em um ambiente 3D são visíveis para o jogador ou câmera e quais são ocultos, para que o renderizador possa se concentrar em renderizar apenas o que é visível, economizando tempo de processamento e recursos.

O dPVS funciona dividindo o ambiente 3D em uma série de partições menores, ou células, e então usando técnicas de coligibilidade de oclusão para determinar quais objetos são visíveis em cada célula. As informações de visibilidade são armazenadas em um banco de dados de visibilidade, que é usado pelo renderizador para determinar rapidamente quais objetos e partes de objetos renderizar. Isso resulta em melhorias significativas de desempenho em comparação com os métodos tradicionais de determinação de visibilidade, especialmente em ambientes 3D complexos.

O dPVS é usado em muitos gamewares comerciais, nos quais o desempenho em tempo real é um fator crítico para melhorar as taxas de quadros e a qualidade visual geral. Apesar de integrar a RenderWare Platform, este middleware podia também foi vendido separadamente na seu tempo de licenciamento.

Loading

Contribua para a base de conhecimento da SIGMA, fazendo uma nova redação ou publicação ou extendendo esta mesma redação.

Responses

Translate »